segunda-feira, 6 de julho de 2009

Yamaha R1 x Yamaha R6

São motocicletas de grande potência, de um belo design, atrativas ao extremo. A Yamaha faz o cerco no mercado das esportivas, usando essas duas máquinas como estratégia que pode funcionar na hora da escolha do cliente.

-------------------------------------------------------

As duas esportivas: apesar das diferenças no motor, são ágeis e velozes

A Yamaha YZF-R6, por exemplo, é considerada, até o momento, a única 600 cc a ultrapassar a barreira das 170 mph, ou incríveis 273,56 quilômetros por hora. Possui 135 cv de potência e, desde os modelos 2008, a R6 teve importantes alterações em sua mecânica e também na ciclística, tornando-se uma máquina mais agressiva e, ao mesmo tempo, segura. Já nas 2009, foram incorporadas novas cores aos modelos.

------------------------------------------------------------

A R6 2009 conseguiu ultrapassar a barreira dos 273, 56 km/h: a 600 cc mais rápida da categoria

A Yamaha YZF-R1, sua irmã mais, digamos, recheada de potentes atributos, possui motor de 1000 cc (998, na "régua") e 180~189 cv de potência. Desenvolve a velocidade máxima de 299 km/h, com históricos de ter ultrapassado a barreira dos 300 km horários. O modelo 2009, contudo, foi presenteada com um novo motor, parte elétrica remodelada e pequenas alterações no chassi, que agora tem base no quadro utilizado nas pistas.

----------------------------------------------------------------------

O modelo da foto é de 2005 e, de lá para cá, algumas mudanças foram feitas, mas a agressividade continua a mesma

Em ambas as motocicletas, a Yamaha caprichou no quesito visual, dando-lhes características de motos de competição. A R6, por exemplo, possui carenagens afiladas e fornece uma posição de pilotagem agressiva, na qual o corpo do piloto está projetado para frente, o que acaba diminuindo sensivelmente o atrito com o ar e que o faz acompanhar a aerodinâmica da moto. Não à toa, trata-se de uma 600 cc com sede de asfalto. Oferece muita agilidade nas curvas, tornando-as mais rápidas, devido à suspensão mais precisa, que foi atualizada pela fábrica.

--------------------------------------------------------------------------------

Os novos painéis das superesportivas possuem, ambos, o conta-giros analógico e as demais informações em telas de LCD. À esquerda, o painel da R1 e, à direita, da R6

As carenagens afiladas e a posição de pilotagem não são características únicas da R6. A sua irmã mais robusta também segue a linha, já que é uma arma da Yamaha para deixar suas motos mais competitivas e, no meio dos aficionados por velocidade, mais desejadas.

A incrível R1, objeto de desejo de muitos motociclistas, desenvolve 180 cv a 12.500 rpm, ou 189 cv na mesma rotação, se induzida a ar. A indução a ar direta no motor foi melhorada com o redesenho da entrada frontal de ar nos modelos 2009. Com isso, a moto ganhou mais potência.






O motor da R1 pode chegar aos 189 cv de potência, quando induzida a ar. E a velocidade pode chegar aos 320 km/h.







Ambas as máquinas são alimentadas por injeção eletrônica, seus motores são de 4 cilindros em linha. O tanque da R1 tem capacidade para 18 litros e pesa 177 quilos a seco; a R6, possui tanque de 17,3 l e pesa 166 kg. A R6 possui roda dianteira com a medida 120/70-17" e
traseiras 180/55-17"; a R1 usa a mesma medida na dianteira, porém, a traseira 190/50-17".

São máquinas com suas igualdades e diferenças, mas com pontos importantes em comum: agilidade, agressividade e velocidade, no melhor sentido que essas palavras podem ter.

Preços:

R6 – R$ 55.000,00

R1 - R$ 65.000,00

14 comentários:

flaviofujao disse...

Curti a matéria, sempre tive curiosidade sobre a diferença das duas motocicletas....vlw.

Tiago disse...

Muito boa a matéria.. bem feita!

Mozart F "Malluko" disse...

Obrigado. Espero poder melhorar ainda mais este blog, que é feito a partir de opiniões como a de vocês. Abs.

kylldare disse...

Gostei tirei minhas duvidas e inda mais, tive um pouco mais de conhecimento das motos parabéns.

Sergio Fernando disse...

òtima matéria, gostaria de saber se existe algum comprativo entre a R6 e a GSX750 SRAD, ou com alguma 1000.

Grato

Sergio

thejuniorcristao disse...

Parabéns, muito informativo. Estou na dúvida entre a R6 e a GSX 750.Estão, na minha opinião, entre as melhores do mundo, sem dúvida. Mas, dada a excelência de ambas, necessito saber de algo que desempate.Agradeço se puder esclarecer.

Anônimo disse...

eu tenho um indicador de mudanças com conta cotações para várias yamaha.

Vendo pelo preço de 70 euros.

A peça chamasse starlane engear
Para mais informações
David
911038997

Anônimo disse...

Essa moto é linda demais.

Anônimo disse...

Boa tarde, seria otimo uma materia da yzf r6 2011, comparativo com as concorrentes do mercado de mesma cilindrada !!!

Anônimo disse...

meu eu tenho uma r6 edição de 50 anos da yamaha amarela,essa moto é animal eu já chegei nela 285 km por hora.
só que a minha é uma ediçao ela marca 20 giros no painel e tem power comand,velas iridion,filtro K&N.

Anônimo disse...

Ta de parabéns, retirou todas as minhas duvidas das duas motos.

Eduardo Henrique Magalhães disse...

Show de bola, tirei todas minhas dúvidas,para completar até o preço referencial tinha no blog.Muito obrigado.

luiz carlos de mello disse...

Muito boa a matéria , abraços .

Motocicletas disse...

Motocicletas muito bonitas, matéria muito bem elaborada. Parabéns.