quarta-feira, 11 de julho de 2018

SEM REFORÇO: YAMAHA TÉNÉRÉ 250 TEM QUADRO COMPROMETIDO

Problema na fabricação compromete estrutura

E aí, galera motociclista? Todo mundo muito bem? Que legal!
Esse artigo trata de um problema que afeta alguns modelos de moto, mas, na Yamaha Ténéré 250 a coisa parece ser mais séria. O fato é que a parte traseira do quadro desse modelo, sobre a qual está o banco, por problema de fabricação - deve ser para "baixar custos" -, é feito de um material tubular muito fino para o propósito da motocicleta.


No manual, diz que a carga máxima permitida para a Ténéré é de 159 kg. Bom, a moto, em ordem de marcha* pesa 151 kg. Isso quer dizer que, duas pessoas na média de 70 kg, mais uma ocasional bagagem que chegue a 10 kg ou pouco mais, podem comprometer a estrutura da moto e, pior, sujeitos a um acidente de proporções inimagináveis.
O baú - e o que se carrega dentro dele - é um dos responsáveis por
dar mais peso à traseira da moto.

Erro da Yamaha

Não diria só erro, mas acho que até mesmo negligência em relação aos proprietários desse modelo. Não custava nada à Yamaha fazer um quadro mais espesso e reforçado, com tubulação dupla, por exemplo, a fim de garantir maior durabilidade da peça. Afinal, expor o motociclista e seu/sua passageiro(a) a uma condição tão perigosa quanto essa, chega ao absurdo. Fica, aqui, a dica para a Yamaha: aumentar a espessura ou duplicar o tubo, o que não onera muito e nem precisa deixar a moto mais cara. Afinal, pra vocês, fabricantes de motocicletas, quando vale a vida de uma pessoa? Será que menos que esse pequeno investimento?

Como saber se o quadro está comprometido?

O tubo, que tem originalmente o formato retangular (mas, não reto, já que "acompanha" o desenho da moto), parte do centro da moto, próximo à parte inferior da mola, e se estende até o final da garupa, debaixo do banco. Ilumine o local e faça uma procura visual em qualquer trincado suspeito. Para confirmar, passe o dedo, a fim de sentir alguma alteração. Se achar, corra a um soldador ou profissional especializado para consertar.

Tem solução?

Sim, tem. E a solução pode ficar entre R$ 149,90 a R$ 180,00, dependendo a marca e de onde se compra. Trata-se de uma peça chamada reforço de quadro, e que pode ser encontrado em diversas lojas, físicas ou virtuais, dentre elas, o Mercado Livre.
Para instalá-la não dá muito trabalho, mas é recomendado que você leve sua moto até uma oficina para isso ser feito.





*Ordem de marcha é quando a moto está com o tanque cheio, bem como todos os líquidos completos e pneus bem calibrados.