quarta-feira, 22 de abril de 2009

Escorregador



Está certo que a faixa de pedestres, além de muitíssimo necessária, é um sinal de trânsito que deve ser respeitado ao máximo.
Mas, para quem atravessou de moto ou mesmo a pé, já percebeu que há um problema sério nessas faixas. A tinta usada para pintá-la, como também para pintar as linhas que separam a mão e contra-mão e as setas que orientam as direções, são escorregadias ao extremo, quando estão molhadas.
Para o motociclista, é uma verdadeira armadilha, porque, ao virar a moto, ela se "deita", podendo ocasionar um desastre sério. Frear, então, faz com que a moto ganhe ainda mais velocidade do que estava antes de pisar no pedal. É um verdadeiro "quiabo".
A minha dica é que a AMT (antiga SMT) use, sobre a tinta, algum produto ou recurso anti-derrapante, o que evitaria o quase-inevitável. Mas, enquanto eles não pensam sobre isso - pois há multas a serem aplicadas e isso é mais importante do que sua vida, condutor -, tome muito cuidado ao passar sobre faixas e elementos afins. Pode ser prejudicial à sua saúde.

Nenhum comentário: